terça-feira, maio 09, 2006

olé ??!?

dia 18 de maio vai finalmente abrir a praça do campo pequeno.
finalmente?
neste caso, "finalmente" tem, para mim, um dúbio sentido.
"finalmente", porque moro ali perto e acabam-se as obras.
"finalmente", porque é o início do fim desse projecto.
(espero)
não consigo compreender, como é que no século XXI, em que há leis contra tudo e todos, movimentos anti-tudo, solidariedade com todos...os animais ainda poderão ser fonte de diversão para outra espécie.
nunca vi os macacos andarem a jogar à bola com os esquilos enroladinhos.
nunca vi os elefantes usarem as girafas para lhes prenderem uns cestos na tola e jogarem basket.
nunca vi os tubarões a usarem as focas para jogar polo aquático.
só mesmo os humanos é que podem usar a sua inteligência e astúcia para enganarem outros seres com quem partilham o planeta, simplemente para sua própria diversão.
"ah, mas os touros têm uma vida muito boa até ao dia da tourada."
ah, então vamos lá dar uma boa vida a um humano, a comer, beber e f#der à grande, para depois o fazermos passar pela maior tortura da história, enquanto outros se riem dele e batem palmas.
dia 18 de maio vai finalmente abrir a praça, com um belo festival desumano, e as figuras do nosso jet-set lá estarão para comer e beber à pala, enquanto os animais na praça têm o seu último dia de vida, na maior das agonias.
lá estarão também as associações pro-animal (ou anti-anormalidades-humanas), em protesto contra este tipo de atrocidade.
eu vou lá estar com estes últimos, venham vocês também.

ps- de frisar que este texto versa sobre o tema diversão-humana-à-custa-de-animais. sobre o facto de nos alimentarmos dos animais e como o fazemos, essa é outra história.



assim já não tem tanta graça, não é?

(imagem gentilmente cedida pelo nandinho )

5 comentários:

Nandinho Jr. disse...

tou contigo.
infelizmente ainda há muita gente a considerar a tourada como um belo desporto, uma arte mesmo...
uma imagem vale mais que 1000 palavras: http://photos1.blogger.com/blogger/4412/560/320/tourada.jpg

Anónimo disse...

Por um Campo Pequeno sem Touradas, livre de sofrimento, de sangue e tortura de animais.

Manifestação
18 Maio
20h00
Campo Pequeno

www.animal.org.pt

Anónimo disse...

Andava eu pelo blog do (meu amigo) nando, quando vejo um link para esta página, qual não é meu espanto quando vejo que o tema em discussão é TOURADA…

Pois bem, aqui parece que está tudo contra a Festa Brava!!!

Eu de facto não estou, muito pelo contrário, acho que é uma tradição secular que deve ser mantida, já que tem muito da nossa identidade nacional!!!

Como sempre respeito as opiniões contrárias à minha, desde que haja reciprocidade…

Quanto à foto, há que ter em consideração o princípio da igualdade, isto é, tratar de forma igual o que é igual e diferenciadamente o que é desigual, ora o valor da vida humana não é sequer comparavel à vida animal...

Não quero com isto dizer que esteja a favor de barbáries, e não, para mim a Tourada não é uma barbárie, é uma arte!

Radicalizando um pouco… quem não gosta de tourada tem uma solução… não vai!!!

E já agora… sabiam que se não fosse a tauromaquia já não existiriam touros?!


Abraço

Pedro O.

jota disse...

Pedro O:

achas que a vida animal tem menos valor que a humana, não é?
então atiravas o teu cão de estimação para uma luta de cães, sabendo que ele ia ser feito em papa por outro cão?
é um animal, não faz mal!

e já agora te digo, que preferia não existir se soubesse que ia acabar como acabam os touros.

ai que bom manter uma raça animal para a massacrar antes de morrer...é mesmo um argumento muito válido...

e a tradição..."a tradição já não é o que era", porque senão os pretos ainda tinham autocarros próprios e as mulheres não saiam da cozinha...

as pessoas evoluem.

Anónimo disse...

Não era meu objectivo incendiar a discussão, apenas manifestar a minha opinião…

Resta-me contudo dizer que:

1º Não acho que a vida humana tenha menos valor que a vida animal, tenho a certeza que não tem!!!!

2º Como dizia no meu comentário anterior só são comparáveis duas realidades iguais, ora a vida humana é um bem que não se pode comparar com a vida animal, assim não tenho nenhum pejo em considerar um animal como um meio para a tingir um fim, já quanto a uma pessoa essa questão não se coloca…

3ª A tourada preserva os touros da extinção, não é um argumento, é um facto!!!

4ª A tradição, para mim, ainda é o que era!!! Os pretos em autocarros e as mulheres em casa, quem disse que isso era tradição?!!! Falamos de tourada, isso sim uma tradição, concordem ou não!!!

Abraço

Pedro O.

 
origem